Conheça o livro Operação Red Sparrow que inspirou filme com Jennifer Lawrence

2
953

Qualquer filme com Jeniffer Lawrence no elenco é garantia de sucesso e com a estreia de Operação Red Sparrow nas telas dos cinemas em março tivemos a certeza absoluta dessa afirmação. O filme, dirigido por Francis Lawrence,  que ainda conta com Joel Edgerton no papel de Nate Nash, arrecadou quase 150 milhões de dólares em bilheteria e foi adaptado do livro Roleta Russa, do autor Jason Matthews, publicado pela Editora Arqueiro em 2014.

Com todo esse sucesso, a Editora lançou recentemente uma nova edição do livro, com a capa do filme e com o mesmo nome do filme. Vale a pena conferir!

Adquira esse livro na Amazon!

Sinopse Editora Arqueiro: Desde pequena, o sonho de Dominika Egorova era fazer parte do Bolshoi, o balé mais importante da Rússia. Após ser vítima de uma sabotagem, porém, ela vê sua promissora carreira se encerrar de forma abrupta. Logo em seguida, mais um golpe: a morte inesperada do pai, seu melhor amigo.

Desnorteada, Dominika cede à pressão do tio, vice-diretor do serviço secreto da Rússia, o SVR, e entra para a organização. Pouco tempo depois, é mandada à Escola de Pardais, um instituto onde homens e mulheres aprendem técnicas de sedução para fins de espionagem.

Em seus primeiros meses como pardal, ela recebe uma importante missão: conquistar o americano Nathaniel Nash, um jovem agente da CIA, responsável por um dos mais influentes informantes russos que a agência já teve.

O objetivo é fazê-lo revelar a identidade do traidor, que pertence ao alto escalão do SVR. Logo Dominika e Nate entram num duelo de inteligência e táticas operacionais, apimentado pela atração irresistível que sentem um pelo outro.

Sobre o autor: Jason Matthews é ex-integrante da Diretoria de Operações da CIA, o atual Serviço Clandestino de Defesa. Em 33 anos de carreira, ele serviu em muitos postos no exterior, dedicando-se à coleta de informações de inteligência, sobretudo em países hostis. Conduziu operações de recrutamento no Leste Europeu soviético, na Ásia Oriental, no Oriente Médio e no Caribe, chefiou estações em diversas localidades, gerenciou ofensivas em países produtores de armas de destruição em massa e colaborou com nações estrangeiras em missões antiterroristas. Atualmente mora no sul da Califórnia.

2 COMENTÁRIOS

  1. Não li o livro, mas o filme é altamente previsível. Uma história de romance batida. A única coisa que vale a pena é descobrir quem é o informante. De resto, dá uma preguiça enorme em continuar vendo o filme.

Deixe uma resposta