Quando o assunto é literatura de terror no Brasil, é impossível não pensar de cara em DarkSide! Em pouco mais de quatro anos de mercado, a editora conquistou seu espaço nas prateleiras e nos corações dos leitores investindo pesado em qualidade gráfica e editorial. E na lista de hoje selecionei três livros perturbadores do catálogo da editora. São obras de não-ficção, ou seja, elas relatam acontecimentos reais!

Preparados? Então erga sua cruz, prepare a água benta e vamos aos livros:

EXORCISMO
Thomas B. Allen

Esta é a história real que inspirou o livro O Exorcista, de William Peter Blatty. Preciso dizer mais alguma coisa? Bom, o jornalista Thomas B. Allen narra nesta obra o exorcismo do garoto Robert Mannheim, de 14 anos.

Tendo acesso ao diário de um dos padres que participaram do exorcismo, além de diversas pesquisas, Allen escreveu o mais completo relato de um exorcismo que se tem notícia. É um livro perturbador e não recomendado para quem é facilmente impressionável.

 

AMITYVILLE
Jay Anson

A história é pra lá de conhecida do público após tantas reportagens e adaptações para o cinema. A família Lutz, George e Kathleen, compram por um excelente preço a casa situada no número 112 da Ocean Avenue, no bairro de Amityville, subúrbio de Nova York. Anteriormente, o local havia sido palco de um sangrento assassinato em que Ronald DeFeo havia matado os pais e os irmãos e, em sua defesa, alegara ter sido influenciado por forças malignas. Mesmo ciente dos fatos os Lutz não se incomodaram e recomeçaram sua vida na casa dos sonhos. Aos poucos acontecimentos estranhos começam a perturbar a paz do casal e de seus três filhos. Barulhos, manchas nas paredes, portas que se abrem, a filha mais nova conversando com um amigo imaginário…. Tudo num crescente até que, sentindo-se sob risco de morte, eles fogem da casa às pressas levando consigo somente a roupa do corpo.

 

ED & LORRAINE WARREN: DEMONOLOGISTAS
Gerald Brittle

A obra é um misto de biografia profissional e dossiê dos principais casos investigados e documentados pelo casal: Edward Warren Miney (já falecido), um demonologista, ou seja, um especialista no estudo de demônios; e Lorraine Rita, clarividente e médium. Quer saber a história real da boneca Anabelle? Ou como acontece, pra valer, um caso de possessão? Esta é a obra certa!

———–

Independente de acreditar ou não nas histórias narradas em cada um desses livros, é inegável a qualidade do material produzido pelos autores. Os cuidados na pesquisa e, principalmente, as formas de narrativa são primordiais para causar aquele gelo na espinha e nos fazer olhar para os lados para checar se estamos mesmo sozinhos.

E aí, já leu algum título? Comente contando pra gente como foi dormir depois da leitura! =D

Compartilhar
Artigo anteriorResenha: Sobre a Escrita – Stephen King
Próximo artigoResenha: Ainda estou aqui – Marcelo Rubens Paiva
Jornalista e aprendiz de serial killer. Assumidamente um bookaholic, é fã do mestre Stephen King e da literatura de horror e terror. Entre os gêneros e autores preferidos estão ficção científica, suspense, romance histórico, John Grisham, Robin Cook, Bernard Cornwell, Isaac Asimov, Philip K. Dick, Saramago, Vargas Llosa, e etc. infinitas…

1 COMENTÁRIO

  1. Já li os dois últimos e gostei muito das histórias, mas o Exorcismo ainda não comprei, mas tenho vontade de ler. Acho que tenho é medo. Haha boas dicas!

Deixe uma resposta